_______________________

BEM VINDO AO FÓRUM !



    Parques de Merendas para Autocaravanistas

    Compartilhe
    avatar
    José

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 26/12/2009
    Localização : Vermoil

    Re: Parques de Merendas para Autocaravanistas

    Mensagem  José em Dom 21 Mar 2010 - 19:10

    Boa tarde Dematos

    Ora aqui está um assunto do qual já tinha comentado nos "AMIGOS DO CENTRO" , penso que os parques de marendas são sem duvida uma grande valia para os autocaravanistas.
    Fora das epocas festivas não haverá nenhum problema em utelizar esses espaços para um convivio.
    Claro que em epoça de verão, não devemos abusar com o numero de autocaravanas!!
    Não esquecer mesmo num parque de marendas ,não abrir os toldos!! respeitar o espaço .


    um abraço

    jose
    avatar
    Dematos

    Mensagens : 412
    Data de inscrição : 21/12/2009
    Localização : São Julião / Ericeira

    Re: Parques de Merendas para Autocaravanistas

    Mensagem  Dematos em Qua 17 Mar 2010 - 16:37

    Boa tarde!

    Companheiro José Gonçalves,

    A utilização da palavra “detractores” na mensagem que deu início ao post, apenas quis atingir (artigos hostis na imprensa, posturas municipais, etc ) que nos têm denegrido, criando-nos rótulos, perante a população e não aqueles que têm tido a coragem de denunciar os actos menos correctos de “alguns” utilizadores de autocaravanas.
    Na parte que me toca e no que à mensagem inicial diz respeito, se dúvidas houve,peço desculpas.

    Já agora, deixo aqui o significado da palavra “Detractor”

    - Pessoa que divulga opiniões ou factos que levam à diminuição, à perda de prestígio, do crédito, do mérito de alguém ou de alguma coisa; aquele que detrai= Caloniador, Difamador, Maldizente
    (in Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânia, da Academia de Ciências de Lisboa, da editora Verbo)

    Sem levar à letra o significado da palavra, deixo aqui dois detractores assumidos, sobre o que nos envergonha no autocaravanismo :

    http://www.cas-autocaravanismo.com/166312.html

    http://www.campingcarportugal.com/
    Na barra esquerda clik em: Isto Não!!


    ________________________
    Um abraço e,

    Saudações autocaravanistas itinerantes


    Viajo a bordo da "Girgolina"
    avatar
    josegon_calves

    Mensagens : 15
    Data de inscrição : 03/02/2010
    Idade : 57
    Localização : Guimarães

    Reflexão / Carácter de Autocaravanista

    Mensagem  josegon_calves em Qua 17 Mar 2010 - 14:25

    Boa tarde Companheiros e Companheiras,

    Porque sou alguém que se assume com carácter, que digo e faço a mesma coisa, que os meus actos correspondem aos meus valores, que se orgulha do Passado e se encontra confiante no Futuro, não podia deixar de tornar pública a "Minha Reflexção" sobre um Direito de Cidadania que me está facultado institucionalmente pela Constituição da República Portuguesa.

    Não pretendo com este trabalho que quem quer que seja me siga ou me aplauda.

    Sãos os meus Valores! Serão certamente os Valores de muitos outros Companheiros e Companheiras de estrada. Serão certamente os Valores da grande maioria dos Amantes do Autocaravanismo.

    Mas não são e não serão certamente os Valores de todos!

    Daí que cada um assuma as suas responsabilidades do que diz e do que faz!

    Da minha parte, continuarei neste Rumo porque entendo ser o mais correcto!

    É um Trabalho longo, que talvez mereça ser lido, ou talvez não!

    A cada um a sua Sentença.


    Reflexão aberta de um Autocaravanista

    Detractor

    Li, algures, esta palavra, “detractores”, do autocaravanismo.

    Não importa quem a escreveu, importa sim o objectivo dessa palavra, “detractores”, do autocaravanismo.

    Porque não pretendo atingir pessoas em concreto, mas defender Ideias e Regras, há muito estabelecidas e aceites por quem neste meio anda de boa fé, não posso deixar de comentar essa mesma palavra, e o que lhe está associado!

    Da “reportagem”, fica-me apenas a certeza de que hoje em dia, século XXI, quem cumpre as Regras, preestabelecidas por alguém, que não fui eu, aceites pela grande maioria dos Autocaravanistas, pelo menos os dignos desse nome, e tenha a ousadia de vir a público criticar quem deturpa conscientemente essas Regras, e tenha a ousadia de ir contra quem chama a si o direito exclusivo de liberdade total sem respeitar quem está a seu lado, é, pura e simplesmente, um “detractor”!

    Nem mais!

    Pois bem, meus caros Companheiros, eu, José Gonçalves, sou um detractor! Assumido!

    Eu, a bordo da minha viatura ligeira, que não uma autocaravana, que por sinal também é esta uma viatura ligeira, com os mesmos direitos e deveres, quando me desloco com a família ou amigos a algum sitio em concreto onde existam locais apropriados para fazermos um pic-nic, com os respectivos churrascos, com colocação de mesas de campismo, ou a simples manta no chão a substituir esta, onde possamos passar um dia ou uma tarde animada, com jogos tradicionais e uma imensidade de coisas a fazer no local, NÃO ESTOU A PRATICAR CAMPISMO!!!

    Se, por acaso, utilizar a minha autocaravana como meio de deslocação e transporte de tudo o que for necessário para o mesmo fim, NÃO ESTOU A PRATICAR CAMPISMO!!!

    Já agora, para quem fizer questão de saber como hajo nessas circunstâncias, o que faço, eu que também sou adepto dessas churrascadas e desses tempos bem passados em comunhão com a envolvente, procuro, sempre, deixar a minha autocaravana o mais correctamente estacionada, sem prejudicar nada nem ninguém, e PONTO FINAL!!! Ah! Abro as janelas da minha autocaravana sempre que tal não prejudique a passagem de quem quer que seja ou ocupe um eventual espaço de estacionamento mesmo ao meu lado.

    Procedendo desta forma, estou convicto, NÃO ESTOU A PRATICAR CAMPISMO!!! Esteja a bordo de uma qualquer viatura ligeira de passageiros, seja ela uma autocaravana ou não!!!

    Agora, se, no desenrolar desta mesma actividade, abrir o meu toldo, ocupar a envolvente da minha autocaravana para aí deliciar o manjar, se necessário, uma boa soneca sob a sombra da minha autocaravana e do meu toldo, se necessário uma boa “suecada” ali mesmo ao lado com uma bebida fresquinha, etc., etc., etc…

    Aí meus “amigos”, É PRATICA DE CAMPISMO NA VIA PÚBLICA!!!

    Tal actividade, à luz da Legislação existente e em vigor, é considerada pelas Autoridades de “Prática Ilegal de Campismo na Via Pública”!!!

    Há alguém que tenha dúvidas sobre esta matéria???????????

    Então porque chamam “detractor”, a mim ou a qualquer outro, a quem exerça o seu direito e dever de cidadania, quando denuncia e critica essas práticas na via pública???

    Já sei!

    Os nossos novos “pseudo intelectuais”, pessoas onde a cultura apreendida lhes dá o direito de alterar as regras do jogo sempre que tal não lhes seja devidamente favorável, porque entendem que são donos da suprema verdade, e que essa a eles lhe pertence e quem lhes fizer frente… é um “detractor”!!!

    Pois bem meus “amigos”, sou de facto um “detractor”, seja lá qual for o significado que atribuem que essa palavra, sou-o! Assumo-o sem qualquer rodeio ou peso na consciência! Sou cidadão português, pago as minhas obrigações fiscais, procuro cumprir a legislação do meu País, tenho o direito de exigir ao Estado que todos os outros também cumpram os mesmos deveres!

    Costumo dizer, embora haja quem não goste de ouvir, que podemos ter todo o dinheiro do mundo, a capacidade para adquirir a melhor e mais sofisticada autocaravana do mundo, de 200 “miles” e muitos euros, poderão até ser titulares de Cursos respeitáveis e credíveis com as melhores notas possíveis, poderão ter tudo e ser capazes de adquirir tudo, mas há uma coisa que não se vende sob preço algum, que não se adquire sob condição nenhuma, o CIVÍSMO!!!

    É aqui que reside a questão fulcral da nossa luta, da luta dos verdadeiros Autocaravanistas, daqueles que respeitam o seu Passado e fomentam o seu Futuro. Daqueles que não desprezam nem negam o seu Passado, daqueles que sabem que a Liberdade de cada um vai até onde começa a do outro!

    Mas como Civismo e Respeito são coisas cada vez menos comuns nos dias que correm, onde o ter se sobrepõem ao dever, onde o parecer é mais importante que o ser, onde os Valores se encontram definitivamente trocados e subvertidos na sua essência, aí, vem esta “nova geração” que pura e simplesmente agride quem luta pelo seu bem, insulta quem reclama por mais justiça para que não sejam eles mesmos penalizados até pelos seus próprios erros!

    Haja coragem de mudar o que está MAL!

    Haja coragem de impor, pela força se necessário, que os valores de Respeito e Civismo sejam repostos no sitio devido!

    Haja coragem de assumir que estamos mal, quando estivermos, e ter a capacidade de reconhecer que errámos e, principalmente, ter a coragem para retroceder no caminho escolhido se esse não for o devido!

    Eu, por mim, vou acolher de braços abertos esta nova terminologia de “De-tra-ctor”.

    Sim! Sou “detractor”, sê-lo-ei sempre!

    E sê-lo-ei sempre, porque só dessa forma conseguiremos alcançar o Respeito que cada vez mais nos negam!

    E sê-lo-ei sempre, porque só dessa forma alcançarei a Liberdade de poder usufruir da minha autocaravana sem vergonha do que alguns ousam cometer em meu nome!

    Saibamos voltar atrás, TODOS!

    Saibamos respeitar os nossos antecessores, tão simplesmente, cumprindo as Regras de Ouro que em tempos foram estabelecidas.

    Saibamos praticar Autocaravanismo na verdadeira acepção da palavra, e o Futuro não será tão sombrio como o antevemos!

    Detractor!

    Sim, sou-o, com muito orgulho!

    Nada mais a acrescentar ou comentar sobre uma palavra que pretenderia ser motivo de aparente agressão, se o foi, admito que não tenha passado pela cabeça de quem a “inventou”, essa vertente tão… ignóbil!

    Meus caros Companheiros, não é por estarmos na época Pascal, mas deveríamos pura e simplesmente fazer uma análise introspectiva e tirar todas as ilações ao invés de andarmos a “agredir” o vizinho do lado só porque o mesmo não partilha as nossas conquistas, só porque o mesmo não é do mesmo “tipo” e não embarca na mesma libertinagem.

    Creio ser tempo de pararmos de dar tiros no pé sistematicamente!

    Creio ser tempo mais que devido para pararmos esta “feira de vaidades” em que se está a tornar o autocaravanismo optando por caminhos que certamente não nos conduzirão a parte alguma. Assim, não vamos a lado nenhum!

    Alguém, em tempos não muito distantes, promoveu que os autocaravanistas reproduzissem e transportassem consigo a seguinte mensagem:


    Sou um Autocaravanista Responsável

    R E S P E I T O

    R – Respeito o Ambiente, a Natureza e o património cultural;
    E – Evito participar em concentrações excessivas de Autocaravanas;
    S – Só estaciono em lugares adequados e apropriados;
    P – Privilegio o artesanato e o comércio tradicional local;
    E – Eu procuro ser discreto e correcto com todas as autoridades;
    I – Imponho-me uma relação amigável com o próximo;
    T – Tento divulgar, cumprir e manter estes princípios;
    O – Observo sempre e respeito o direito dos outros ao sossego!

    Presumo, hoje, que é letra morta, tudo o atrás descrito quando exigimos o direito de ocupar o espaço público com meia dúzia de autocaravanas, em jeito de “faroeste”, expandindo os nossos domínios com toldos, mesas e cadeiras, criando e limitando o quintal privativo e tudo o que possamos imaginar no sentido de limitarmos aos restantes o acesso à coisa comum. Presumo!

    Bom! Esse não é, decididamente, o grupo ao qual eu gostaria de pertencer.

    Não! Por aí não vou!

    Em mais de uma década e meia de autocaravanismo decentemente praticado, nunca tive necessidade de me associar a coisa alguma para usufruir da minha liberdade e respeitar a liberdade dos outros!

    Sempre fui um autocaravanista solitário mas continuando a difundir o bem e a condenar o mal.

    E jamais abdicarei, de denunciar às autoridades competentes os energúmenos que conspurcam o meu País, que transgridem sistematicamente e deliberadamente ao ponto de limitar a minha Liberdade!

    Há direitos de Cidadania! Há também deveres de Cidadania! De uns e de outros, não abdicarei!

    Como tal, esta não será a última vez que alguém verá escritas em letra de imprensa as minhas ideias, as minhas opiniões, os meus pensamentos!

    Não me associarei a Clubes, ou Associações, ou seja lá o que for, só para parecer, só para manter a fachada! Não embarcarei em divisionismo como também não embarcarei em exibicionismo!

    Sempre que me for solicitado apoio prestá-lo-ei, mais do que isso, não!

    Manter-me-ei reservado, porém atento.

    Dessa forma, recuperarei certamente a minha identidade autocaravanista e a minha liberdade de movimentos. Estou convicto!

    A todos os que aceitaram e partilharam as minhas criticas construtivas, e nelas se reviram, o meu sincero agradecimento e votos de melhores conquistas nas batalhas que se avizinham!

    Àqueles que preferem olhar para o lado e continuar a destruir, o que muitos antes de mim construíram, que mais posso dizer-lhes???

    Façam o favor de serem felizes, se possível, decentemente!

    Um abraço e até… sempre,

    José Gonçalves
    (Guimarães)




    PS:
    Aos que não se revêm nestes Valores, não os quero obrigar a coisa alguma, Não!
    A Liberdade é isso mesmo, é cada um ter o direito de escolher o seu caminho.
    Mas resta-me pedir-lhes, não destruam o meu Caminho!
    Há um ditado que diz:
    Se a tua Luz não ilumina o teu Caminho não queiras apagar a minha!
    avatar
    jaime alcacer

    Mensagens : 10
    Data de inscrição : 06/01/2010
    Idade : 66
    Localização : Faralhão/Setúbal

    Re: Parques de Merendas para Autocaravanistas

    Mensagem  jaime alcacer em Seg 15 Mar 2010 - 23:42

    Olá companheiros

    Agradeço aos companheiros,Dematos e Vasco pela divugação destes parques de merendas.
    É sem dúvida, uma mais-valia para todos nós.

    Um abraço

    Jaime Alcácer
    avatar
    Dematos

    Mensagens : 412
    Data de inscrição : 21/12/2009
    Localização : São Julião / Ericeira

    Parques de Merendas para Autocaravanistas

    Mensagem  Dematos em Seg 15 Mar 2010 - 12:07

    A Catrineta deixa aqui, alguns locais do concelho de Sintra e em pleno Parque Natural Sintra/Cascais, onde os autocaravanistas podem usufruir de churrasqueira, mesas e cadeiras sem serem acusados pelas autoridades e outros “detractores”, de estarem a praticar “campismo selvagem”.

    Um agradecimento ao Vasco Nazário, pela colaboração!

    Estes espaços, como são públicos, é necessário chegar cedo, para ter lugar.


    Bom apetite!





    Magoito



    N 38º52’03’’ W 09º26’05’’



    Azenhas do Mar



    N 38º50’42’’ W 09º27’21’’



    Assafora



    N 38º54’42’’ W 09º24’41’’



    São Julião



    N 38º55’04’’ W 09º24’52’’



    Carrascal – com o Palácio da Pena em fundo



    N 38º 49’19’’ W 09º24’28’’


    ________________________
    Um abraço e,

    Saudações autocaravanistas itinerantes


    Viajo a bordo da "Girgolina"

    Conteúdo patrocinado

    Re: Parques de Merendas para Autocaravanistas

    Mensagem  Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sex 21 Jul 2017 - 12:50